Sobre este blogue

Madeira de Uz é um blogue que viu a luz um 15 de fevereiro de 2005, há já mais de dez anos. Na sua alargada vida, o blogue padeceu mudanças de de todo tipo:

  • Passou por diferentes servidores (gratuidos e alheios, depois próprios e de pagamento, voltando para gratuitos…).
  • Teve diferentes endereços (com domínios alheios, própiros, alheios, próprios…).
  • Padeceu, inclusive, uma breve mudança de nome (Caminhos Cruzados), para posteirormente voltar ao rego.
  • Em dez anos, utilizou unicamente duas tecnologias, mas em quatro etapas claras. Na primeira, desde o nascimento, Blogger. Na segunda, desde meados de 2007, WordPress. Já no ano 2011, depois de passar inativo praticamente entre janeiro e dezembro (um artigo em cada mês), culminei o ano com o regresso ao Blogger, mas já com o endereço próprio madeiradeuz.org. Isso sim, regresso parcial, sem conservar o histórico do antigo blogue em WordPress. Finalmente, no verão deste 2015, reativei o blogue, de novo no WordPress.

Como assinalava anteriormente, a complexa trajetória deste blogue levou a que, num determinado momento, se perdesse o seu histórico. Perdeu-se, sim, mas só de cara ao público, pois em privado conservei cópia, à espera de dispor do tempo e vontade necessárias para acometer a tarefa. Desde 12 de outubro de 2015, isto que vês aqui não é um blogue migrado ou recuperado, é um blogue restaurado.

Um blogue restaurado

Ainda que não se trate de uma obra de arte, este blogue foi objeto de um árduo trabalho de restauro que durou praticamente dous meses, desde meados de agosto de 2015 até meados de outubro do mesmo ano. Indico a seguir algumas operações acometidas:

  • Limpeza da velha base de dados de WordPress (2005-2011), atualizando as hiperligações internas do domínio velho para madeiradeuz.org.
  • Migração (mais uma vez) da plataforma Blogger para WordPress, em ambos os dous casos mantendo o domínio próprio madeiradeuz.org.
  • Edição, um por um, dos 649 artigos originalmente publicados para:
    • Atualizar, no possível, conteúdo multimédia desaparecido, mormente imagens, mas também alguns PDF, ficheiros de áudio…
    • Nos casos de conteúdo multimédia irrecuperável, mínima edição do texto para não ficar sem sentido ou, como último recurso, informar de que o conteúdo já não está disponível.
    • Atualizar, no possível, hiperligações quebradas (labor conseguido na imensa maioria dos casos).
  • Revisão rápida dos 1.535 comentários publicados (cifra final) nestes dez anos, apagando alguns duplicados, spam que havia polo meio e intentando (nalguns casos) atualizar hiperligações que pudessem conter.

Após esta extenuante tarefa, apenas quatro artigos originais ficaram sem publicar, pois neles o elemento multimédia desparecido era parte constitutiva, não reemprazável com texto. É por essa razão que no cómputo final se indica que o blogue está restaurado aos 99,38%, isto é, foram melhor ou pior restaurados 645 artigos. Nada mal… E tampouco dou por perdida a batalha para recuperar os quatro artigos em falta.

Histórico

Eis os progressos do processo, unicamente registados a partir de 14 de setembro:

Restaurado 72,86 % a 14/09/2015

Restaurado 84,96% a 23/09/2015

Restaurado 85,89% a 10/10/2015
Restaurado 89,92% a 11/10/2015
Restaurado 99,38% a 12/10/2015

www.000webhost.com