Que ‘sorte’ temos com a polícia compostelana

Parece mentira que com tantas preocupações como deveria ter a Polícia de Compostela (as próprias, intuo, de qualquer outra capital de país), nunca falhem na sua cita de impedir a elaboração do já célebre mural Compostela 100% em galego. À vista dos factos, parece que a história se voltou repetir nos últimos dias: moços realizam mural, Polícia impede continuar, moços finalizam mural, alguém (?) cobre de branco o mural.

Quero pensar que se são tão diligentes para ir trás de um fato de moços ‘armados’ com brochas e caldeiros de pintura, terão o mesmo zelo no resto das suas funções. Pois sendo assim, quê sorte temos!

CRONOLOGIA DOS FACTOS

muralnov2007a

muralnov2007

IM000548.JPG

www.000webhost.com