Paixão de medievais

Embora o nome não seja do mais original, o meu bom amigo Ulmo de Arxila parece que está com gana de dar vida a uma série de ficção blogueira chamada Pasión de Medievales, baseada em textos ‘telenoveláveis’ da nossa literatura da Idade Média.

Até o momento o ilustre blogueiro da Terra Chã já tem escritos dous capítulos (capítulo I e capítulo II), que parecem evidenciar que a literatura galega foi nas suas origens a mais imaginativa e variada da época.

Apenas faria uma recomendação ao Ulmo, e consistiria em mudar o nome que escolheu, em castelhano (por razões óbvias e preferivelmente esquecíveis, camagüey), e transmutá-lo num algo mais acorde com a época, tal que Paixõ/Paixom/Paixon de Medi(o)evais.

Fonte da imagem: //www.casadacultura.org/arte/pint/p_charters_d_azevedo/arreitada_donzela_fofo_leito_grd.jpg
Fonte da imagem: //www.casadacultura.org/arte/pint/p_charters_d_azevedo/arreitada_donzela_fofo_leito_grd.jpg
www.000webhost.com